Bem vindo ao Site de Alceu!

Informações

CAALL - Centro Alceu Amoroso Lima pela Liberdade, Petrópolis - Agradecemos a cessão da microfilmagem de toda a volumosa correspondência recebida por Alceu.

Foto – Seminário Alceu Amoroso Lima

Ouro Preto - 2019

Da esquerda para direita:   Xikito Ferreira, Leandro Rodrigues, Alessandro Garcia, Guilherme Arduini e Evelin Balbino.



Jornada Tristão de Athayde – Seminário Alceu Amoroso Lima

Ouro Preto - 2019

Programação - 09/02/2019


         10:00 - 10:10


  Abertura – Xikito Ferreira

         10:10 - 10:40

  Prof. Dr. Leandro Rodrigues
  (Alceu em Ouro Preto - o Grêmio Literário Tristão de Athayde)


         10:40 - 11:00


  CAFÉ

         11:00 - 11:30

  Prof. Dr. Alessandro Silva
  (Em torno do Deus Vivo: o debate entre Alceu e Octávio de Faria)

         11:30 - 12:00

  Prof. Dra. Evelin Balbino (Riobaldo e Alceu – um diálogo entre Grande Sertão:   Veredas e A voz de Minas)

         12:00 - 12:30

  Prof. Dr. Guilherme Arduini
  (Notas sobre o pensamento social de Alceu Amoroso Lima)

         12:30 - 13:00

  Lançamento do livro Correspondência – Mário de Andrade e Alceu Amoroso   Lima, de Leandro Rodrigues



Nosso Convite – Seminário Alceu Amoroso Lima

Ouro Preto - 2019




Jornada Tristão de Athayde - 11 de Dezembro 2015

 

09hs30min

10hs

Credenciamento e recepção dos convidados

 

Sessão 01

10hs

11hs30min

Candido Mendes, Xikito e Guilherme

Introdução a Tristão

PAUSA ALMOÇO

Sessão 02

13hs30min

14hs30min

Leandro Garcia e Marcelo

Os diálogos de Alceu

Sessão 03

14hs35min

15hs35min

Christiane e Agueda

Os embates de Alceu

15hs35min

16hs30min

APRESENTAÇÃO MUSICAL / PAUSA

Sessão 04

16hs40min

17hs10min

Alessandro

Alceu e Otávio de Faria



http://observatoriodaimprensa.com.br/eventos/o-intelectual-e-a-liberdade-de-expressao/


CONFIRA O RELEASE


CONFIRA OS VIDEOS


Vida e Obra!

Escritor

Alceu Amoroso Lima foi um critico literário, professor, pensador, escritor e líder católico brasileiro.

Livros

Os direitos do homem e o homem sem direitos (1975),Revolução suicida (1977), Tudo é mistério (1983)

Academia Brasileira de Letras

Foi eleito em 29 de agosto de 1935 para a cadeira 40 da Academia Brasileira de Letras.

Prêmios

Prêmio Jabuti de Literatura - Personalidade literária do ano 1979.